Criação indoor – como manter o gato feliz longe das ruas


Em apartamentos ou casas, tutores de gatos devem SEMPRE telar as janelas (Foto: Reprodução)


Criação indoor de gatos significa criá-los dentro de um ambiente fechado, sem acesso à rua. Já é comprovado que a expectativa de vida de gatos que possuem livre acesso à rua é em média oito anos, enquanto a criação indoor proporciona até 16 anos, ou seja, o dobro da idade.

Como manter seu gato dentro de casa – criação indoor

Quando falamos dentro de casa, significa dentro do ambiente doméstico, incluindo a área externa.

Em primeiro lugar, castre seu animal. Gatos castrados tendem a perder o interesse de sair de seu território. Outra providência é colocar telas ou grades de proteção nas janelas, principalmente em apartamentos, e portões de acesso à rua no caso de casa térrea. Para isolar o ambiente externo, pode-se instalar telas inclinadas no alto dos muros. 

Gatos vivem muito bem sendo criados indoor. Bem e muito mais saudáveis, mesmo em ambientes menores, como pequenos apartamentos. Isso porque o espaço dos felinos não é apenas horizontal, eles adoram se movimentar verticalmente, como subir em móveis ou escalar estantes.

Gatos cochilam e dormem a maior parte do dia, isso é natural deles. Eles dormem e acordam procurando uma atividade. São animais extremamente curiosos e que precisam de atividade, então ofereça isso ao seu gato. Crie um ambiente que ofereça várias opções para ele gastar energia e exercitar os músculos.

Enriquecimento do ambiente

Enriquecer o ambiente significa oferecer ao bichano atividades que promovam seu bem-estar psicológico e físico. Providencie locais confortáveis e aconchegantes para ele tirar a soneca e também espaços para brincadeiras e atividades.

Se você mantiver seu gato restrito e não oferecer atividades, com certeza ele irá desenvolver alguns comportamentos inadequados, como miar muito, atacar pessoas e outros animais, arranhar os móveis, urinar em qualquer local ou ficar o tempo todo atrás das pessoas. Isso pode ser fruto do tédio que ele estará vivendo.

Ideias para enriquecer o ambiente*

> Faça esconderijos (você pode comprar caminhas, casinhas ou túneis prontos ou fazer utilizando uma simples caixa de papelão);

> Dê arranhadores para o gato;

> Coloque algumas coisas do gato (pode ser a comida ou caminha) em lugares altos, pois eles adoram escalar. Use uma estante ou prateleiras;

> Espalhe brinquedos pelo ambiente. Bolinhas com guizo, varinhas com penduricalhos, bonequinhos de pelúcia etc. No mercado, existe uma variedade grande de brinquedos para gatos. Opte sempre por peças coloridas e com som;

> Tire um tempo para brincar com seu gato, isso fará bem tanto para ele quanto para você.

Guarda responsável

Cuidar bem de seu gato é uma obrigação dos tutores. Isso faz parte da guarda responsável. Manter sempre limpo e higienizado o local onde ele fica, oferecer uma boa alimentação e água sempre limpa e fresca, manter as vacinas em dia, realizar visitas periódicas ao veterinário são algumas das obrigações de quem tutela um animal.

E nunca esqueça que ele também precisa de carinho e atenção. Quando o tutor conhece seu animal, ele sabe quando alguma coisa não está bem. Qualquer alteração no humor, disposição ou apetite deve ser imediatamente comunicada ao veterinário.

Fonte: Aki É o Bicho 



NOTA DA NATUREZA EM FORMA:

Em nosso Pet Centro, vendemos arranhadores, brinquedos e outros itens importantes para gatos, como graminha (e, claro, ração). Confira aqui nosso endereço e telefones. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário